A trégua de natal de 1914

A trégua de natal de 1914 foi um evento bem famoso ocorrido durante a primeira guerra mundial, mas eu, a doida do natal, só descobri quando fui fazer (bem aleatoriamente, diga-se de passagem) a prova de um vestibular aqui na minha cidade. Tudo acontece por um propósito, né? Se eu não tivesse resolvido fazer aquele

As cartas de Jane Austen traduzidas – VII

“Steventon, terça-feira, 18 de dezembro Minha querida Cassandra, sua carta chegou tão logo eu esperava, e sei que suas cartas sempre chegarão dessa forma, pois eu criei uma regra de não esperar por elas até que elas cheguem, no que eu acho que consigo aliviar a nós duas. É uma grande satisfação para nós ouvir

As cartas de Jane Austen traduzidas – VI

“Steventon, 1º de dezembro Minha querida Cassandra, serei tão generosa em escrever de novo para você tão rápido, para que você saiba que eu acabei de ter notícias de Frank. Ele estava em Cadiz, vivo e bem, no dia 19 de outubro, e recebeu uma carta sua, escrita há tanto tempo que ‘Londres’ ainda ficava

Charles Dickens e o natal: um trecho de Mamie Dickens – Meu pai como eu lembro dele

A época de natal já chegou para mim – e, consequentemente, para o blog. E que melhor forma de dar o start do que com um trecho de Mamie Dickens falando sobre “o homem que inventou o natal”? Charles Dickens foi mesmo abençoado! Meu livro preferido da vida é “Um cântico de natal” e TODO

As cartas de Jane Austen traduzidas – V

“Steventon*, sábado, 27 de outubro. *Steventon é um vilarejo localizado no condado de Hampshire, Inglaterra, onde Jane Austen viveu desde 1775 até 1801. Minha querida Cassandra, sua carta foi uma surpresa muito agradável para mim hoje, e eu peguei uma folha grande de papel para demonstrar minha gratidão. Nós chegamos aqui ontem, entre as quatro

Sanditon (2019)

Não é segredo nenhum que eu AMO produções de época, e que sou particularmente fascinada pelas adaptações dos romances de Jane Austen: ou seja, quando eu descobri que Sanditon, um dos romances inacabados da autora, seria transformado em série, eu imediatamente comecei a contagem regressiva. Por coincidência, inclusive, eu estava em Londres no dia da

Resenha: Amor de um duque – Lorraine Heath

Editora HarperCollins Brasil, selo Harlequin, 317 páginas No fim do ano passado, eu tive a oportunidade de ler Desejo e Escândalo, também da Lorraine Heath, que é, na verdade, o primeiro livro da série Sins for all seasons. Como eu falei no post anterior, não há qualquer indicativo, nem em Desejo e Escândalo, nem em

As cartas de Jane Austen traduzidas – IV

Eu já fiz um post aqui no blog sobre viagens no tempo de Jane Austen, mas que jeito seria melhor de descobrir um pouco sobre como ela viajava do que lendo uma carta onde ela relata uma viagem (com direito a uma pequena aventura no meio do caminho)? “Bull and George, Dartford, quarta-feira, 24 de

Resenha: Um casamento conveniente – Tessa Dare

Série Girl Meets Duke Vol. 1, Editora Gutenberg Os elogios a esse livro começam com essa capa ma-ra-vi-lho-sa, que eu queria emoldurar e pendurar na parede do meu quarto. Amo essas imagens desses casais em roupas de época! São tão lindas, né? Mas o melhor de tudo é que essa imagem, em especial, tem tudo

Tessa Dare – Séries Spindle Cove e Castles Ever After

Série Spindle Cove Livro 1: Uma noite para se entregar Novela 1: O presente inesperado Livro 2: Uma semana para se perder Livro 3: A dama da meia-noite Novela 2: A bela e o ferreiro Livro 4: Uma duquesa qualquer Novela 3: Uma chance para o amor Livro 5: Como se livrar de um escândalo